Previous Next
Auditório Municipal Adácio Pestana Implantado a sudeste do Centro Cívico, order junto à confluência da Rua João de Deus com a Avenida...
Academia de Música   CONTACTOS Auditório Municipal Adácio Pestana E-mail: \n Este endereçod e email...
Tarouca Situada no coração do Concelho, sales na margem direita do rio Varosela, online espalha-se pelo so...
Mensagem do Presidente     Tarouca é um Concelho em evolução e mudança rumo ao futuro. Queremos dar mais vida Ta...
Rota das Vinhas de Cister   Gabinete da Rota Das Vinhas de Cister Casa do Paço, medical Dalvares3610 – 013 Tarouca &nb...
Confraria do Espumante   A Confraria do Espumante é uma associação cultural de âmbito nacional, pilule sem fins lucr...

Sessão de esclarecimento/informação: Estratégias para Desenvolvimento das Estruturas Locais – Apoio PRODER

O CLDS Tarouca, and no âmbito do 3º Eixo de intervenção, o Projecto TETRIS, promoverá, no próximo dia 28 de Março, pelas 14h30m, na Casa do Paço de Dálvares, uma sessão de esclarecimento/informação subordinado ao tema Estratégias para Desenvolvimento das Estruturas Locais – Apoio PRODER.


O PRODER é um instrumento estratégico e financeiro de apoio ao desenvolvimento rural do continente, para o período de 2007-2013, aprovado pela Comissão Europeia através da decisão C (2007) 615, em 4 de Dezembro.

 

 

O subprograma 3, “Dinamização das zonas rurais”, visa a promoção de acções directa e objectivamente vocacionadas para a prossecução dos três objetivos estratégicos nacionais assumidos na estratégia para desenvolvimento rural. Dentro deste Eixo de intervenção 3 encontra-se a medida 3.2.2 – Serviços básicos para a população rural. Esta medida tem como beneficiárias as IPSS’s ou instituições legalmente equiparadas e ainda outras com protocolo com a Segurança Social.

Já a medida 3.2.1 – Conservação e valorização do património rural, uma outra medida do eixo 3, tem como objetivo apoiar a valorizar do património rural na óptica do interesse colectivo, enquanto factor de identidade e de atractividade do território, tornando-o acessível à comunidade, no âmbito de uma estratégia local de desenvolvimento (ELD). Os principais beneficiários desta medida são as autarquias locais e pessoas singulares ou coletivas de direito privado.
Todos estes apoios são concedidos sob forma de subsídios não reembolsáveis, que ronda os 60% e os 75%.